ADUFPEL - Associação dos Docentes da Universidade Federal de Pelotas

Logo e Menu de Navegação

Andes Sindicato Nacional
A- A+

Notícia

Nota da assembleia da ADUFPel sobre o calendário acadêmico

Durante a Assembleia realizada no dia 28 de junho de 2024, nas dependências da ADUFPel, houve a deliberação coletiva pelo término da greve docente e o retorno às atividades das professoras e dos professores, marcado para o dia 8 de julho.


Na ocasião, ficou decidido que o Sindicato encaminharia um documento à Reitoria da UFPel para comunicar a decisão e, ainda, solicitar uma audiência para tratar de dois assuntos, quais sejam: o retorno às atividades docentes e a estruturação do calendário acadêmico do corrente ano. 


Na contramão do que historicamente tem sido registrado durante greves docentes na UFPel, a atual gestão não manifestou formalmente disposição para dialogar sobre o assunto. Além disso, apresentou uma proposta de calendário a ser apreciada no COCEPE, cuja reunião foi marcada para um dia da semana fora das costumeiras rotinas de trabalho do Conselho. 


Com isso, a atual gestão inviabilizou quaisquer discussões aprofundadas dos representantes do órgão colegiado para com seus representados. 


Trata-se de uma conduta desrespeitosa para com uma categoria de trabalhadoras/es e com um Sindicato que sempre, ao longo de décadas, comprometeram-se em recuperar os trabalhos não realizados durante uma greve. Mais que isso, a decisão destoa da tradição democrática da UFPel e ratifica a postura de não dialogar com docentes, técnicas/os e estudantes para, coletivamente, a Instituição deliberar sobre a melhor forma de organizar o retorno às atividades. 


Sobre o assunto, faz-se necessário lembrar que um grupo político, qualquer que seja, que legalmente esteja à frente de uma instituição pública de ensino superior, deve cumprir com aquilo que a comunidade universitária deseja e não tomar decisões unilaterais.


Neste sentido, a Assembleia das/os Docentes ADUFPel vem a público novamente repudiar a conduta da atual gestão da UFPel, desta vez pela deliberação sobre assuntos importantes para a vida de toda a comunidade universitária sem contar com a participação dos segmentos.


Diretoria ADUFPel

Veja Também

  • relacionada

    Brasil registra aumento de violências contra mulheres e população LGBTI+

  • relacionada

    Podcast Viração aborda projeto de Lei da Gravidez Infantil e outros projetos que ameaçam o...

  • relacionada

    876 mil pessoas foram atingidas pelas chuvas no Rio Grande do Sul

  • relacionada

    Entidades dão continuidade aos preparativos do 3º Congresso Mundial contra o Neoliberalism...

  • relacionada

    Human Rights Watch denuncia violações de direitos humanos contra crianças em El Salvador

  • relacionada

    Mais de 9 mil estudantes palestinos já foram mortos pelos ataques de Israel na Faixa de Ga...

Newsletter

Deixe seu e-mail e receba novidades.